Documentário INPIR(ação)

No Impact Man

setembro 14, 2015

13968

Um enorme desafio: viver um ano sem causar impacto sobre o meio ambiente. O que significa? Não produzir lixo (nada de comida para levar), não emitir dióxido de carbono, ou seja, não dirigir ou voar. Não derramar toxinas na água, então, nada de produtos de limpeza. Não comprar produtos de terras distantes. Nada de elevadores, andar de metrô, nada de produtos empacotados ou plásticos, sem ar condicionado, TV ou papel. Os Beavan foram super criticados, as pessoas os achavam muito extremistas, talvez até fossem, mas o cara disse algo muito interessante sobre todo esse experimento: “isso não pretende ser nada científico. Pretende ser filosófico!”

A ideia em questão é: reduzir, reutilizar e reciclar! Não é uma questão de privação, não significa descuidar-se de si mesmo. É o oposto, é preciso enxergar: é possível ter uma boa vida sem tanto desperdício? Sejamos realistas, viver sem causar nenhum impacto é praticamente impossível, mas que tal reduzir o impacto negativo e começar a produzir impacto positivo? Assisti o documentário 3vezes e vira e mexe lembro das palavras do Colin:

Se somente eu mudo, não fará muita diferença. Mas a esperança é que se cada um de nós como indivíduos, mudamos, isso vai inspirar todo mundo a mudar. O mais radical ato político que existe é ser otimista. O ato político mais radical que existe, é acreditar que se eu mudo, outras pessoas seguirão meu exemplo.

Eu acredito que vários dos problemas ambientais em nosso planeta, apareceram por causa do colapso da vida comunitária. Porque sem uma comunidade, nenhum de nós se sente responsável por ninguém. Todos nós estamos interligados, e em vários níveis. Se você é religioso, entenderá isto a nível religioso. Mas mesmo se você é apenas prático, você pode ver que nós estamos interligados. Se eu pisar numa poça e você estiver de pé ao lado, te molhará. Se eu poluo o ar, você tem que respirá-lo.

Esse efeito filosófico que eles quiseram produzir com o documentário chegou até aqui. Repensei muito meu estilo de vida, repensei o desperdício e diversas coisas, sei que a mudança é um processo demorado. Mas sei também que se a gente tem vontade e amor pelo próximo, tomamos a responsabilidade com todo o amor e fazemos coisas acontecerem. Fiz uma lista de coisas possíveis de se fazer, coisas que quero começar a mudar no meu dia-a-dia, dá uma olhada aqui:

COISAS POSSÍVEIS DE SE FAZER PRA VIVER CAUSANDO
MAIS BEM DO QUE MAL PRO PLANETA:
1.
Ter uma composteira
2. Consumir menos carne (o consumo mundial de carne é responsável por mais gases estufa que qualquer outra coisa, inclusive o transporte.)
3. Plantar uma hortinha ou ajudar numa horta do bairro
4. Diminuir o consumo de coisas novas, comprar em bazares ou pegar emprestado!
5. Comprar uma bicicleta
6. Não usar elevadores e escadas rolantes
7. Comprar produtos a granel
8. Usar bicarbonato ou um produtinho natural pra escovar os dentes
9. Não assinar revistas e pedir pra não enviarem mais nada de papel pro seu endereço
10. Deixar de usar produtos de limpeza e começar a limpar com: vinagre branco, bicarbonato de sódio, sabão de castilla e bórax
11. Evitar usar embalagens e sacolas

Aqui o trailer do documentário, ASSISTA (tem no Netflix):

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply